sexta-feira, 11 de junho de 2010

Vai fundo garotaaa!!!! Amo essa música!!!

3 comentários:

  1. Manhã comum em Fortaleza... Uma criança acordava pelas 4 da manhã para tentar conseguir um atendimento pelo SUS...

    Uma "pequena danada" entrava no prédio do CEO do Centro para fazer uma matéria e todas as atenções voltadas para o carisma e simpatia de uma telejornalista que até então eu só conhecia por nome.

    A entrevista (sonora) feita em uma sala de um dentista dava a entender que ela passaria por alí rapidinho mas, para minha surpresa, ela ligou o microfone, preparou um textinho rápido e objetivo e gravou.

    Era a primeira passagem de uma repórter que via na minha vida...

    TV ligada. O Jornal do Meio-Dia chamava a matéria e esta criança continuava aguardando atendimento no hospital. A espera naquela fila que rodava quase o prédio todo agora era tão boa...

    Eveline Frota - CENTRO. Os caracteres ficaram na cabeça e estava decidido: esta criança queria ser igualzinha a ela.
    E durante um bom tempo, o horário do jornal era sagrado, ver a Eveline Frota era agora um motivo de prazer tão grande que o almoço esperava na mesa. Lá da cozinha vinha o grito: vai esfriar!!

    Que esfriasse...

    Esta criança cresceu e hoje está no último período da faculdade de jornalismo e com o mesmo sentimento pela repórter de quando a viu pela primeira vez...

    Para ele, ela ainda é a melhor telejornalista da sua vida.
    Durante muito tempo ele esperou vê-la de novo, mas ainda não foi possível. A Verdes Mares trazia uma nova geração de repórteres e a moça de voz suave e textos surpreendentes não estava mais no ar.

    Tristeza.

    Tá, ele tem um presente dela até hoje.
    Um vídeo no Youtube do Zoombie Walk sempre é motivo de gostosas risadas pela passagem nada comum, porém altamente criativa em sua simplicidade...

    Ela voltoooooouuu!! Vi pelo twitter que a melhor repórter da VM estava ao vivo. Não acreditei. Quase morri.
    Corri pra TV. Ahh... Perdi.

    Tristeza, de novo.

    Que nada!
    Alegriaaaaa!! Ela está de volta pra me ensinar ainda mais o que é ser jornalista, o que é ter o prazer de escrever... Ela está de volta para me fazer ainda mais feliz!

    Você foi uma peça fundamental na minha vida, Eveline.

    Obrigado por existir,

    Deyvison Sousa.
    O tiete da Eveline hehehehe.

    ResponderExcluir
  2. também acho.
    rutcele cabral.

    ResponderExcluir
  3. Mega, hiper, giga, ultra obrigada! Bjs!

    ResponderExcluir